Exames

Teste de Cores

Exame em que são obtidas informações a respeito da percepção de cores que a pessoa tem. Os dois exames realizados são o Ishihara e o Farnsworth-Munsell D-15. Indicado para avaliação do comprometimento visual em alterações oculares genéticas (daltonismo) ou adquiridas (toxicidade medicamentosa, entre outras).

O exame não é invasivo (não há necessidade de injeção de contraste) e pode ser repetido sempre que necessário. Não há necessidade de dilatação de pupila. A duração do exame é 5 a 20 minutos.

O IOA segue as determinações do Manual de Publicidade Médica descritas no Código de Ética Médica do Conselho Federal de Medicina (Resolução CFM nº 1974/11). Se você observou algum item que não esteja de acordo com o manual, entre em contato conosco para informar o problema.

Você também pode gostar
FILHOS – Quando fazer o primeiro exame?
+
FILHOS – Quando fazer o primeiro exame?

O primeiro exame a ser realizado é o “teste do olhinho”, logo após o nascimento do bebê, onde podemos detectar quaisquer possíveis anormalidades na ...

6 de março de 2020
Simpósio Internacional do BOS
+
Simpósio Internacional do BOS

Dr. Victor A. C. Antunes do Instituto de Oftalmologia de Assis participou do Simpósio Internacional do BOS – Hospital Oftalmológico de Sorocaba. O evento ...

25 de outubro de 2019
Hábito de fumar e as doenças oculares
+
Hábito de fumar e as doenças oculares

Segundo a Organização Mundial de Saúde, o tabagismo é a principal causa de morte evitável em todo o mundo, responsável por 63% dos óbitos relacionados às ...

19 de janeiro de 2020