Instituto de Oftalmologia de Assis | 9 de março de 2023

Cirurgia de Catarata em Pacientes com DMRI

A degeneração macular relacionada a idade – DMRI – e a catarata são as duas principais causas de baixa visual em população idosa em todo o mundo. As duas doenças compartilham de diversos fatores de risco em comum, e por isso podem muito frequentemente acometer o mesmo paciente.

Os fatores de risco que essas duas doenças compartilham são:

  • Fatores de risco não modificáveis: idade, história familiar, olho claros.
  • Fatores de risco modificáveis: exposição solar sem proteção adequada, dieta pobre em frutas e verduras, hipertensão, tabagismo e diabetes.

Mas quando é a hora de tratar uma doença, outra ou as duas ao mesmo tempo?

Quando o paciente apresenta DMRI, a perda visual ocorre por atrofia, cicatriz, edema e/ou hemorragia na região macular. Se também for acometido pela catarata, o paciente vai ter mais um motivo para que a visão fique ruim, com potencialização do prejuízo visual.

Em termos gerais, todo paciente que tenha catarata e degeneração macular deve receber tratamento para as duas doenças, mas a hora de realizar cada parte desse tratamento influencia, e muito, no resultado. A cirurgia de catarata contribui para a retirada de um dos fatores responsáveis pela baixa visual, mas a hora certa de ser realizada é muito importante para o sucesso dos tratamentos.

Uma vez identificado que o paciente se beneficiará do procedimento da catarata, a programação é essencial para o sucesso. Para saber qual a melhor hora de submeter um paciente portador de DMRI à cirurgia de catarata, o médico leva em consideração se a DMRI está estável ou em atividade, histórico de recidivas, medicações utilizadas e com que frequência, além de queixas apresentadas e exames oftalmológicos.

Procuramos o momento quando a DMRI está estável e sem recidivas, ausência de sinais de atividade da doença nos últimos meses e exames complementares sem novas alterações. Dentre esses exames, incluimos a avaliação multimodal de DMRI, que inclui principalmente angiografia fluoresceínica, tomografia de coerência óptica – OCT, retinografia e autofluorescência.

Como reduzir o risco de uma cirurgia de catarata

A cirurgia deve ser realizada por um profissional experiente em cirurgia de catarata e em tratamento de DMRI. Caso isso não possa ser obtido em um único profissional, é necessário que uma equipe de médicos participe do processo do tratamento, com o especialista em retina e o cirurgião de catarata trabalhando em conjunto.

Além disso, sempre que possível devemos ter a estabilidade da DMRI para realiar a cirurgia de catarata, já que podem ocorrer quadros de descompensação após a cirurgia.

A escolha da lente intra ocular a ser usada na cirurgia de catarata também traz influência no resultado. Devemos dar preferência para lentes com filtragem de raios ultravioletas e dobráveis, para induzir menor trauma cirúrgico.

A perda visual em idosos não deve ser considerada como normal e deve ser tratada sempre que tiver chance de melhora. Diversas causas que levam a baixa visual nesta faixa etária tem tratamento e deve ser instituído assim que possível para melhorar a qualidade e, inclusive, a expectativa de vida.

Converse com seu médico sobre o momento ideal de realização dos tratamentos, evitando atrasos mas também não sendo precipitado na indicação. O momento ideal para a cirurgia de catarata em portadores de DMRI é individualizado e essencial para o sucesso do tratamento.

Você também pode gostar
Como pingar colírio?
+
Como pingar colírio?

Antes de mais nada: colírios são remédios. Cuidado com auto-medicação e não use sem indicação médica. Lembro que colírios são formas oculares de ...

16 de setembro de 2022
Vale a pena colocar nos óculos filtro de luz azul?
+
Vale a pena colocar nos óculos filtro de luz azul?

Os óculos com filtros especiais de bloqueio de luz azul valem a pena? Recebo essa pergunta todos os dias no consultório, tanto de pessoas que usam óculos quanto ...

28 de junho de 2022
Atenção especial aos pequenos estudantes
+
Atenção especial aos pequenos estudantes

As férias acabaram e é hora de voltar às aulas, momento ideal para redobrar os cuidados com a saúde dos olhos. É fundamental que pais e professores fiquem ...

28 de janeiro de 2019