Instituto de Oftalmologia de Assis | 16 de maio de 2023

Como proceder caso você esteja interessado(a) em fazer uma cirurgia refrativa?

 Consulta inicial: O primeiro passo é agendar uma consulta com um oftalmologista especializado em cirurgia refrativa. Durante essa consulta, o médico irá avaliar sua saúde ocular, realizar exames detalhados e discutir suas necessidades visuais, histórico médico e expectativas em relação à cirurgia.

  1. Pré-operatório: Se você for considerado(a) um(a) candidato(a) adequado(a) para a cirurgia refrativa, será necessário passar por uma série de exames pré-operatórios para determinar o tipo de procedimento mais adequado para o seu caso. Esses exames podem incluir medidas de refração, topografia corneana, paquimetria e análise da saúde ocular em geral.
  2. Escolha do procedimento: Com base nos resultados dos exames, o oftalmologista irá recomendar o tipo de cirurgia refrativa mais adequado para você. As opções comuns incluem a cirurgia LASIK, PRK, LASEK ou implante de lentes intraoculares. O médico explicará em detalhes cada procedimento, seus benefícios, possíveis riscos e o que você pode esperar durante o pós-operatório.
  3. Consentimento informado: Antes da cirurgia, você receberá um formulário de consentimento informado, onde estarão detalhadas todas as informações sobre o procedimento, seus riscos e possíveis complicações. Leia-o atentamente e esclareça todas as suas dúvidas antes de assiná-lo.
  4. Cirurgia refrativa: No dia da cirurgia, siga todas as orientações dadas pelo oftalmologista, como não utilizar maquiagem, remover lentes de contato e não comer ou beber algumas horas antes do procedimento. A cirurgia refrativa é geralmente rápida, com anestesia local e envolve a remodelação da córnea para corrigir problemas de visão, como miopia, hipermetropia ou astigmatismo.
  5. Pós-operatório: Após a cirurgia, você receberá instruções específicas para o período de recuperação. É fundamental seguir essas orientações cuidadosamente, utilizar os colírios prescritos e evitar atividades que possam comprometer a cicatrização dos olhos, como esfregar os olhos ou praticar exercícios intensos. É importante comparecer às consultas de acompanhamento para que o oftalmologista possa avaliar o progresso e realizar eventuais ajustes.

Lembre-se de que essas são apenas informações gerais sobre como proceder para fazer uma cirurgia refrativa oftalmológica. É essencial consultar um oftalmologista especializado para obter orientações personalizadas, considerando suas necessidades individuais e condição ocular.

 

Agende sua consulta

Você também pode gostar
FILHOS – Quando fazer o primeiro exame?
+
FILHOS – Quando fazer o primeiro exame?

O primeiro exame a ser realizado é o “teste do olhinho”, logo após o nascimento do bebê, onde podemos detectar quaisquer possíveis anormalidades na ...

6 de março de 2020
Imersão em Cirurgia de Catarata e Lios Premium
+
Imersão em Cirurgia de Catarata e Lios Premium

Entre os dias 16 e 17 de agosto nossos oftalmologistas do IOA participaram de um Curso de Imersão em Cirurgia de Catarata e Lentes Premium, em Londrina/PR, no qual ...

16 de agosto de 2019
Entrevista Dr. Victor Antunes
+
Entrevista Dr. Victor Antunes

Dr. Victor Antunes, do IOA Instituto de Oftalmologia de Assis, participou no mês de dezembro de 2016 de uma entrevista a TV Com Canal 22. Na ocasião, falou sobre ...

7 de dezembro de 2016