Instituto de Oftalmologia de Assis | 8 de novembro de 2022

O perigo do “exame grátis”

Quem nunca andou pelas ruas e se deparou com uma faixa ou um letreiro luminoso escrito “exame de vista grátis” e ficou tentado a entrar? Afinal, não é nada mal passar por uma avaliação oftalmológica e não precisar pagar por isso…

Mas, calma! É melhor não se animar demais. Sabe aquele ditado: “quando a esmola é demais o santo desconfia?” Pois é: ele cabe perfeitamente aqui.

Oferecer exames de vista grátis em óticas é uma prática antiga, comum e perigosa. Na verdade é uma estratégia utilizada para atrair clientes para a loja. Porém, o que inicialmente parece interessante pode trazer graves consequências para a saúde dos olhos.

Motivos para não fazer exames grátis em óticas

Realizar o tão conhecido “ exame grátis” não é nada confiável – e a gente não recomenda. Isso porque as óticas não são clínicas de oftalmologia, mas um estabelecimento comercial. Seus funcionários não têm formação médica e, visando vendas, são incentivados a prescrever óculos sem que haja necessidade.

Além disso,  existem outros motivos que você precisa conhecer antes de fazer um exame de vista grátis:

É ineficaz

Os exames gratuitos em óticas são realizados por pessoas que não têm habilitação técnica para exercer esse tipo de atividade. Além disso, esses locais não possuem os equipamentos necessários para uma avaliação clínica completa.

Não identifica outros tipos de doenças

Um exame oftalmológico é muito mais que uma receita para a compra de óculos. Existem outras doenças que impactam o sistema visual do paciente, como glaucoma, catarata e infecções que não são detectadas pelos aparelhos disponíveis nas óticas.

Além disso, para um diagnóstico mais preciso, o profissional precisa ouvir as queixas do paciente e associar os sintomas com algum histórico familiar.

Interesse comercial

Se você tem costume de fazer consultas em ótica, precisa estar atento: o funcionário da loja tem interesse em vender armações e lentes corretivas. Para isso, é provável que não leve em consideração a sua saúde ocular, já que dificilmente a ótica vai dizer que você não precisa de óculos.

Isso não acontece com um médico oftalmologista, já que seu objetivo é zelar pela saúde do paciente.

Tempo da consulta

Na ótica, o profissional fica com o cliente alguns minutos e já o encaminha para a escolha da armação e lente. Mas, para um diagnóstico completo e confiável, a consulta é bem mais demorada.

Isso porque o médico precisa saber das queixas do paciente, problemas de saúde como um todo (diabetes, hipertensão, colesterol), além de investigar o histórico familiar. Depois desse apanhado de informações, o profissional vai decidir quais exames serão necessários antes de indicar as lentes corretivas ou outro tratamento.

Pense bem antes de fazer exame de vista grátis nas óticas. Você pode correr o risco de utilizar óculos sem necessidade ou em um grau errado. Em casos graves, o exame grátis pode até mesmo mascarar uma doença mais séria.

Apenas o médico oftalmologista tem o conhecimento necessário para diagnosticar de forma precisa sua saúde ocular! Venha ao IOA para fazer o check-up da forma certa.

FONTE: Blog COA.

Você também pode gostar
Julho Violeta – Prevenção e Tratamento do Ceratocone
+
Julho Violeta – Prevenção e Tratamento do Ceratocone

💜✨ Julho Violeta: Mês de Prevenção ao Ceratocone! 💪👁️‍🗨️ Neste mês, dedicamos nossa atenção especial à conscientização e prevenção do ...

7 de junho de 2023
Meu Grau Pode Voltar após uma Cirurgia Refrativa?
+
Meu Grau Pode Voltar após uma Cirurgia Refrativa?

Quem usa óculos de grau ou lentes de contato por muito tempo passa por algumas situações chatas ou estressantes no dia a dia: perder os óculos justamente quando ...

6 de setembro de 2022
Entenda a Cirurgia de Catarata
+
Entenda a Cirurgia de Catarata

A Catarata é uma opacidade parcial ou total do cristalino. Geralmente, está relacionada ao processo de envelhecimento do olho e, por isso, é mais comum em ...

21 de setembro de 2022