Veja o infográfico sobre o que acontece na cirurgia de Catarata?

Compartilhar

 

A catarata é uma lesão ocular que atinge o cristalino, lente natural do olho responsável pela focalização da luz. O cristalino fica opaco e a luz não chega à retina em quantidade suficiente, o que prejudica a qualidade da visão. Com o passar do tempo, a catarata pode se agravar até o ponto de causar cegueira.

 

O tratamento da catarata é essencialmente cirúrgico e consiste na remoção do cristalino nebuloso.

 

Atualmente, existem técnicas mais modernas e principalmente mais seguras para remoção do cristalino, garantindo um recuperação extremamente rápida.

 

No Instituto de Oftalmologia de Assis (IOA) utilizamos a moderna técnica de facoemulsificação, com anestesia tópica (apenas colírios). Com essa técnica, todo o cristalino é aspirado através de uma microincisão (2 milímetros), aumentando a segurança do procedimento e reabilitação visual. O cristalino é então removido e o mesmo deverá ser substituído por uma lente intra-ocular. A cirurgia de catarata através da microincisão permite uma recuperação da visão quase imediata, sem a necessidade de pontos.

 

 

Veja o que acontece na cirurgia de Catarata:

E-book_Catarata_Completo-13

 

1- Anestesia tópica (apenas colírios)

2- O cristalino é retirado por facoemulsificação – um aparelho tritura e aspira a lente natural do olho doente, essa moderna técnica exige cortes e suturas mínimas.

3- O procedimento substitui o cristalino por uma lente artificial (intraocular), que faz com que o paciente recupere a nitidez visual.

 

Assista o vídeo:

 


Vídeos ver todos